Subscribe:

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Dieta Alcalinizante para uma Vida mais Saudável




A acidez no organismo pode levar a várias condições médicas, tais como úlceras, problemas de pele, artrite, osteoporose e até mesmo fadiga e depressão, de acordo com a Universidade de Indiana. O nosso organismo foi projetado para ser alcalino. O pH da maioria das nossas células e fluidos como, por exemplo, o sangue tem um valor ligeiramente alcalino de 7,3. Assim como o nosso corpo tem mecanismos para regular a temperatura, de forma que se mantenha num valor determinado, ele faz o mesmo para tentar manter o valor de alcalinidade do sangue em torno do pH 7,3. PH é a medida que define se um elemento ou composto é ácido ou básico (alcalino). A tabela varia de zero a 14, onde:

pH = 0,0 => máximo de acidez;
pH = 7,0 => neutro;
pH = 14,0 => máximo de alcalinidade.


Um dos fatores que determinam o pH do sangue é, o alimento ingerido. Muitos médicos do passado já diziam que a alimentação correta é a maior prevenção contra doenças. O importante disso tudo é ter em mente que o sangue, que leva os nutrientes por todo o organismo, deve ter em média o pH entre 7,36 a 7,42. Ou seja, levemente alcalino. Em algumas situações, como estresse, envelhecimento, poluição e alimentação incorreta, é possível que a produção de ácidos aumente e coloque em risco o equilíbrio do pH sanguíneo. Nesses casos, o organismo ativa alguns mecanismos regulatórios, como por exemplo, o “sequestro” do cálcio dos ossos. Estas reservas de minerais alcalinos são facilmente consumidas devido ao nosso estilo de vida ocidental, ou seja, a maioria de nós ingere alimentos e bebidas que contém ácidos fortíssimos. Estes ácidos manifestam-se na nossa dieta através das colas e das bebidas gaseificadas, pizza, batatas fritas, bolos, biscoitos, refeições feitas no microondas, pão, cafeína, queijo, alimentos com gordura, tabaco, bebidas alcoólicas, lácteas, natas, etc…

Por exemplo, a Coca-Cola tem um pH entre o 2,0 e 3,0. Por isso, os efeitos de uma dieta constituída por carne, produtos lácteos, bebidas gaseificadas, álcool, etc., são os de provocar uma rápida utilização das nossas reservas alcalinas. Se o organismo está constantemente utilizando o cálcio para eliminar os ácidos que consumimos, então futuramente surgirão os sintomas da osteoporose (estudos científicos comprovam e associam o consumo de bebidas gaseificadas à ocorrência da osteoporose).

Estudos recentes reforçam a ideia de que uma dieta com pH equilibrado, otimiza o metabolismo aumentando a capacidade do organismo na eliminação de toxinas, além de diminuir a retenção de líquidos, consequentemente contribuindo com o processo de emagrecimento. É necessário que haja equilíbrio na ingestão de alimentos ácidos e alcalinos, mas também na quantidade de alimento consumido. A dieta alcalina, baseia-se em pesquisas realizadas pelo Dr. Robert Young e que levaram a nutricionista Vicki Edgson e a chef Natasha Corrett a publicar o livro “Honestly Healthy”, que virou mania entre as celebridades internacionais.

A proposta do programa é aumentar o consumo de alimentos ricos em minerais alcalinos (magnésio, potássio, cálcio e sódio) como: óleo de peixe, chá verde, grãos integrais, vegetais e amêndoas, inhame, lentilha, melão, brócolis, repolho, maçã, mamão, frutas cítricas e secas, folhas verdes, legumes, raízes, azeite de oliva, milho verde, abobrinha, quiabo e chuchu cru e de bebidas saudáveis com pouca ou nenhuma sacarose, frutose ou adoçantes como sucralose, sacarina, aspartame ou acessulfame, pouca cafeína ou açúcar, como suco de vegetal fresco, água de limão, chá de ervas, caldo de legumes, entre outros e evitar os alimentos ricos em ácidos como refrigerantes(incluindo água com gás e água tônica), café, chá-preto, açúcar, adoçantes, amendoim, grãos e vegetais ricos em amido (trigo, massas e feijão), farinhas brancas, todos os produtos processados, lácteos e chocolate.

De acordo com uma das autoras do livro (que antes de publicar o cook book emagreceu quase 13 kg com o programa) para que o programa seja incorporado em seu estilo de vida, e não somente como uma dieta temporária, você precisa segui-lo à risca apenas 70% do tempo. Nos outros 30%, você pode comer de tudo, incluindo pizza e vinho.

Nesta dieta todos os alimentos são permitidos, porém os alcalinos devem estar presentes numa proporção maior. Esta proporção entre os alimentos pode variar entre as diferentes pessoas, mas geralmente ela deve ter pelo menos 60% alcalinos e 40% ácidos”. É importante ressaltar que a acidez dos alimentos deve ser medida sobre seu efeito no organismo após a digestão e não em seu teor de acidez e alcalinidade intrínseca.

Enfatizo aqui que o ideal para o bom funcionamento orgânico é que o paciente não faça a dieta por um período curto de tempo, mas que seja um estilo de alimentação a ser adotada para a vida. A dieta não tem contraindicações e qualquer pessoa pode aderir. Porém é necessário evitar dietas muito restritivas, para que o organismo não seja prejudicado pela falta de outros nutrientes, além de respeitar a individualidade bioquímica e adequar as necessidades nutricionais de cada um, para evitarmos qualquer deficiência, por isso é fundamental ter um acompanhamento de um nutricionista ou médico com experiência no assunto



Outras forma da alcalinização:

Meditação; a respiração lentificada evita a acidose
Boa condição cardiovascular: frequência cardíaca baixa em repouso favorece a alcalose
Evitar o estresse: a rápida respiração em momentos de nervosismo favorece e acidose
Uso de anti oxidantes
Forma de avaliação : pH da urina ou saliva



Referências:

The Alkaline Diet: Is There Evidence That an Alkaline pH Diet Benefits Health?
http://www.hindawi.com/journals/jeph/2012/727630/
Examining the relationship between diet-induced acidosis and cancer.
http://www.nutritionandmetabolism.com/content/9/1/72

Diet, evolution and aging—the pathophysiologic effects of the post-agricultural inversion of the potassium-to-sodium and base-to-chloride ratios in the human diet.
http://link.springer.com/article/10.1007/s394-001-8347-4

A Dieta Alcalina.
http://adietaalcalina.blogspot.com/2011/06/o-que-e-dieta-alcalina.html

Influence of diet on acid-base balance.
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=T.+Remer%2C+%E2%80%9CInfluence+of+diet+on+acid-base+balance %2C%E2%8 0%9D+Seminars+in+Dialysis%2C+vol.+13%2C+no.+4%2C+pp.+221%E2%80%93226%2C+2000.

Dieta Alcalina.

Human skin condition and its associations with nutrient concentrations in serum and diet.
http://ajcn.nutrition.org/content/77/2/348.long

O que é a Dieta Alcalina ?
http://alimentacaoviva.blogspot.com.br/2011/06/o-que-e-dieta-alcalina.html

A ACIDOSE INDUZIDA PELA DIETA: É UM FENÔMENO REAL E CLINICAMENTE RELEVANTE? British Journal of Nutrition (2010), 103, 1185–1194 Joseph Pizzorno1*, Lynda A. Frassetto2 and Joseph Katzinger3 1PO Box 25801, Bastyr University, Seattle, WA 98165, USA 2Division of Nephrology, 12 Moffitt CTSI Clinical Research Center, University of California, San Francisco

The Effects of Diet and Stool Composition on the Net External Acid Balance of Normal Subjects EDWARD J. LENNON, JACOB LEMANN, JR.,t AND JOHN R. LITZOW :

Diet Acids and Alkalis Influence Calcium Retention in Bone Division of Clinical Pharmacology, University Hospital (CHUV), Lausanne, Switzerland. Osteoporosis International (Impact Factor: 4.17). 02/2001; 12(6):493-9. DOI: 10.1007/s001980170095

Água alcalina: questão fundamental Vanessa De Alcântara www.grupouninter.com.br/web/revistasaude/index.php/saudequantica/article/view/329

Effects of the metabolic alkalosis induced by the diet in the high intensity anaerobic performanceEffects of the metabolic alkalosis induced by the diet in the high intensity anaerobic performance O. Ríos Enríquez1, E. Guerra-Hernández1 y B. Feriche Fernández-Castanys2Departamento de Nutrición y Bromatología; Facultad de Farmacia, Universidad de Granada. Departamento de Educación Física y Deportiva; Facultad de Ciencias de la Actividad Física y el Deporte, Universidad de Granada. España

Clinical Effect and Mechanism of Alkaline Reduced Water ROSA MISTICA C. IGNACIO1 , KYUNG-BOK JOO3 AND KYU-JAE LEE1

Dieta alcalina diminui ácido úrico: Urine alkalization facilitates uric acid excretion Aya Kanbara, Masayuki Hakoda and Issei Seyam

0 comentários:

Inscreva-se por email