Subscribe:

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Pirilampo Bóson de Higgs



Vaguei a noite toda em busca de um lugar para pousar, só encontrei incertezas, voei tão alto, que minhas asas começaram a perder o pó. É um a pena, literalmente faz falta, quando eu era criança, meu pai dizia que  que além do arco-íris do norte, tinha como encontrar a luz das estrelas de lux, mas o caminho era longo e árduo, e pra chegar lá onde queria, tinha que lutar muito, e ser um guerreiro muito poderoso; ter asas de ouro e força de um dragão. Sabendo todo conhecimento com relação ao caminho até a iluminação, decidiu ensinar todo ritual de iniciação até o momento da luz a Pirilampo.
Sete anos se passaram do tempo do besouro da noite. A revoada de pássaros famintos vem de tempo em tempo e precisávamos saber se esconder muito bem.
 -Ufa, Já se passaram 6 anos, só falta um.
-Esse é o tempo do não tempo disse a mariposa do vento.
Um tempo para se reconciliar, é o momento da entrada do casulo, e outros a saída.
Geralmente somos apenas um ovo, uns ovoides por ai, a  maioria fica vendo no outro algo que não consegue ver em si, ai fica sugando as substancias da vida dos outros.
-É, realmente é uma guerra , disse Pirilampo. Uma guerra fria !!
Tem gente que tá perdendo a luz, tá virado mais pras trevas das larvas lá de baixo.
-É mesmo?
-Sim, a poupança de luz pra viver, vai acabando, acaba tudo virando adubo e verme.
- O segredo é encontrar dentro de si, não ficar sugando um do outro. É expandir-se.
Cada um tem uma porção a mais, de sobra, e não faltando no seu tempo interior.
Um caminho é de muito estudo, porquê a porção quando vem, tem que encontrar morada, é uma luminescência muito forte.
Muitos ficam com medo, preferem ser larvas mesmo, ficam mendigando, rastejando pela porção que defecamos.
Existe muito medo por aí, e o pior é que dizem que a luz é do mal. Ta tudo virado.
-Coitados, estão cegos. Como poderemos ajudá-los a ver?
- O desenvolvimento de cada um mostrará o certo e o errado no momento certo.
A curiosidade e a força de vontade faz do ser, um elemento de muito poder, e hoje em dia, estamos quase com a Alexandria, humm os melhores livros. Vivíamos os montes, éramos aceitos, e iluminávamos toda aquele belezura. Porém, vieram os monges negros e expulsaram e destruíram tudo. Foi um horror!
Tivemos que passar o deserto escaldante, a chuva delirante, o inverno de doer o frio de amargar.
A primavera? Sim, esse é o momento final do discernimento.
Mas tem que passar todas as  estações, e conhecer todas as cores do arco-íris, e só então  entenderá o que é a iluminação.
A primavera está ás portas.
O novo amanhecer chegará !!
Está muito perto essa nova porção prometida sobre toda carne chegar.
Então decidiremos, se queremos ser larva ou vaga- lume no alvorecer dessa nova porção, dessa nova era iluminar.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Vaga-lume

Projeto Pirilampo, á seguir...


0 comentários:

Inscreva-se por email