Subscribe:

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Ágora divina


Ágora divina de Agartha

Por: Fredy Wander


- É o amor?
- É a sabedoria.
- É a benevolência .

Todos os iluminados sentados na Tertúlia do Templo opinavam sobre qual o sentido da vida. Natanael, o Arcano da Lira, tocava uma melodia enebriante, enquanto os presentes refletiam dentro da Consciência Cósmica. Uma voz assobia "La Traviata". Pairava sobre os Odes Divinos de sândalo. Salusa, Regente dos Arcanos de Sírius, anuncia a chegada da Nova Era através de Guizé de Cristal: A Grande Pirâmide do Norte.

"Veja quem está a chegar", disse Lúcius, o Arcano Peregrino. A Luz do Grande Farol de Malta vinda dos arredores da Constelação de Andrômeda, trazendo consigo um dos maiores tesouros de lá. A conexão da Consciência da Quinta Dimensão.

"É a vida" - disse Mikah. O Maior dos Arcanos, Regente da Luz de Alcione, a Grande Fonte. A vida em si. O fugaz fato de existir. Esse é o segredo.

Todos embriagados com a Luz da Grande Magia Divina se questionavam. Não nos importa; Não queremos nos preocupar com a causa Primária do Universo. Queremos respirá-la.

 E por fim; O sabor das Plêiades.

0 comentários:

Inscreva-se por email